O IBD – Associação de Certificação Instituto Biodinâmico

  • 12 Fevereiro 2016

O IBD – Associação de Certificação Instituto Biodinâmico considera as seguintes normas quando se trata da comercialização e produção de cosméticos orgânicos:

  •  Preservar as qualidades originais das matérias-primas: formulações utilizando o máximo possível de matérias-primas orgânicas e naturais;
  • Evitar, sempre que possível, modificação nas matérias-primas in natura;
  • Promover mínimo impacto ao ambiente, tanto na produção como no uso e descarte;
  • Assegurar a alta qualidade e rotulagem clara para a orientação dos consumidores;
  • Não fazer testes em animais;
  • Não usar matérias-primas oriundas de animais vertebrados, que tenham sido sacrificados em função da extração deste material;
  • É permitido o uso de matérias-primas de origem animal somente quando essas forem oriundas page de coleta de seres vivos como, por exemplo, o mel e seus derivados; o leite e seus derivados; a lanolina, desde que não extraída com hexano, etc.
  • Preferencialmente, esses animais devem ser criados no sistema orgânico de produção;
    fica proibido o uso de produtos geneticamente modificados deve ser assegurada a segurança máxima ao consumidor;
  • A seguir, observam-se exemplos de formulações a fim de esclarecer dúvidas quanto às exigências das certificadoras.